A DS Automobiles comemora o seu segundo duplo título histórico (Pilotos e Equipss) na Fórmula E

Berlim, 13 Agosto 2020

O final da temporada 6 do campeonato ABB FIA Fórmula E 2019/2020 aconteceu hoje no Aeroporto Tempelhof em Berlim e a DS Automobiles entra na história do automobilismo com um novo título duplo. Já vencedora dos dois campeonatos do ano passado (Pilotos e Equipas), a Marca reforça o seu domínio sobre os outros oito construtores envolvidos na competição de carros 100% elétricos, e demonstra mais uma vez o domínio total dessa tecnologia. Após o título de Jean-Éric Vergne no ano passado, o português António Félix da Costa sagrou-se campeão de pilotos no final de uma final particularmente intensa.

Com quatro vitórias, nove pódios, cinco poles e três voltas mais rápidas nas 11 corrida do E-Prix, o DS E-TENSE FE20 superou a Nissan, BMW, Audi, Mercedes-Benz, Jaguar, Porsche, Mahindra, PENSKE e NIO . Nunca uma equipa (+ 77 pontos) e um piloto (+ 71 pontos) terminaram a temporada com tanta diferença na competição e com uma média de pontos por corrida tão alta (22,18 pontos por corrida para DS TECHEETAH). Único construtor automóvel a ganhar o E-Prix todos os anos desde 2016, a DS Automobiles detém agora o recorde do número de títulos em duas temporadas (2 por equipas e 2 por pilotos), o recorde de número de pole position (13) e linhas de frente da mesma equipa (2 com DS TECHEETAH).

Depois de ter conquistado 10 lugares na corrida de hoje, António Félix da Costa saboreou o seu título de campeão. "Pronto, terminou", sorriu o português. "Hoje foi um dia muito especial porque recebemos os troféus do campeonato. Nunca vou tomar isto como garantido e estou muito ansioso pelo começo da próxima temporada porque me quero sentir assim novamente. Vai ser uma luta muito difícil na próxima temporada, mas vamos dar uma chance e se não der certo, vamos tentar novamente. Tenho certeza que a luta será muito intensa, mas vamos dar o nosso melhor. Temos uma equipa fantástica e estou muito feliz por ter ganho o campeonato com todos eles. Quero agradecer a toda a equipa, ao Mark e Keith que sempre acreditaram em mim, ao David, Gigi, Clement, Lucas, aos meus incríveis mecânicos Xavier, Seb, Ben, Javier, Martin e ao nosso mecânico-chefe Pete e a toda a equipa de marketing que lidou com a tempestade dos media após a vitória e todas as outras ativações que fazemos para os fãs e os parceiros. Temos uma equipa fantástica e estou muito feliz por ter ganho o campeonato com todos eles.